Dedicação em família para ampliar oportunidades

As passagens de alunos pelos programas e projetos ofertados pelo IJCA ampliam possibilidades de trajetórias pessoais, sociais e familiares. A história de Helisa Moraes, 19, e Hemilly Oliveira, 14, destaca-se pela passagem de duas irmãs pelo IJCA. Em 2019, enquanto cursava o 9º ano na Escola Municipal Almirante Alfredo Carlos Dutra, Helisa foi apresentada ao programa Fortalecendo Trajetórias, que estava com inscrições abertas para o Reforço Escolar. “Era um contexto de muita vontade de conquistar as aprovações, e sabendo dos desafios do ensino público, eu decidi entrar no IJCA pensando em buscar melhor para o meu futuro”, afirmou.

A participação da jovem no Reforço Escolar e a dedicação aos estudos fizeram com que ela alcançasse a aprovação no Colégio Pedro II e prosseguisse para a fase de Acompanhamento Social e Pedagógico pelo Fortalecendo Trajetórias. Helisa relata a importância do instituto nesta nova etapa. “Quando eu cursei o ensino médio, foi na época da pandemia. O instituto teve um papel muito importante de acolhimento e amparo, principalmente pedagógico. Para mim, foi muito importante ter esse apoio nessa fase”, contou.

Mesmo com as adversidades, Helisa perseverou em seu propósito e em 2023 alcançou mais um grande objetivo: a aprovação em primeiro lugar no curso de Jornalismo, na Universidade Federal Fluminense (UFF). “Eu nunca cogitei jornalismo, até que no último ano do ensino médio meu colégio fez aquelas visitas à UFF e eu visitei o casarão rosa [Instituto de Artes e Comunicação Social da UFF]. Lá eu fiz um teste de câmera de jornal, fiquei encantada e aqui estou, cursando jornalismo.” A jovem, que hoje também atua como estagiária de comunicação no Instituto JCA, compartilhou o valor desta conquista, que também serve como referência para sua família. “É um sentimento de muita felicidade, não só pra mim, mas também para minha família. Ser a primeira pessoa a entrar em uma universidade federal é de muita alegria. O meu maior incentivo é ser o exemplo para os meus irmãos, mostrando que é possível alcançar nossos objetivos”, declarou.

De irmã para irmãos

A trajetória de Helisa inspirou e incentivou sua irmã a buscar mais possibilidades na jornada estudantil. Hemilly Oliveira, 14, também teve sua história conectada com o IJCA. Em 2023, enquanto cursava o 9º ano na Escola Municipal Almirante Alfredo Carlos Dutra, mesma escola de sua irmã, foi a vez da adolescente participar da primeira fase do programa Fortalecendo Trajetórias. “Minha família sempre me apoia. Foram eles que me incentivaram a entrar no IJCA para me preparar e estudar em um bom colégio”. Após o período de aulas do preparatório escolar e passada as provas para os colégios, Hemilly, agora, aguarda com expectativas. “O meu desejo é ingressar no Colégio Pedro II, mas estou esperando o os resultados com a esperança de ter um ensino médio de qualidade.”

Para Jaline Oliveira, mãe das duas meninas, o Instituto já faz parte da família. “Tivemos a primeira experiência com a Helisa, e agora com Hemilly, e ainda tem o Wander Eduardo, que se Deus quiser irei colocar ele também. Quero que os três tenham as mesmas oportunidades. O IJCA é de grande importância para esses jovens e para minha família, faz com que eles tenham oportunidades que talvez sozinhos não conseguiriam”, declarou.

Compartilhe

Posts Relacionados

13ª Mostra de Trabalhos - Habilidades Jovens

Confira a publicação do IJCA sobre a 13ª Mostra de Trabalhos que teve como tema “Habilidades dos Jovens”. O material...

 Instituto JCA presente na posse do Comitê de Participação Adolescente no CEDCA/RJ

Em Assembléia Extraordinária, adolescentes do Comitê de Participação Adolescente (CPA), tomaram posse no Conselho Estadual dos Direitos da Criança e...

Nova Lei de Cotas

Em um país com altos índices de desigualdade social, a Política de Cotas foi implementada em 2012 como um dos...