IJCA em São Paulo: Gira de Empreendedorismo e Autogestão

Em São Paulo, o Instituto JCA apoia e desenvolve projetos de arte, cultura e educação que aliam ações de mobilidade com a apropriação dos territórios e espaços culturais. Uma das iniciativas das quais o Instituto atua como parceria estratégica é o Projeto Gira de Empreendedorismo e Autogestão, que tem como objetivo fomentar artistas e coletivos do Parque Vila Maria e região a atuarem em seus territórios promovendo a conexão entre o fazer artístico e o empreendedorismo. O Gira conta com o patrocínio da Viação Cometa via Proac-SP, parceria estratégica do IJCA e produção e realização da Banca e Aymberê Produções Artísticas.

Para Wilson Vasconcelos, analista de projetos do IJCA, o foco no território amplia a importância da iniciativa. “O projeto possui uma grande relevância para o Parque Vila Maria e região, pois tem como propósito incentivar e fortalecer artistas e coletivos locais, promovendo a interseção entre a expressão artística e o empreendedorismo. Ao fazer isso, o projeto contribui de diversas maneiras, tais como o crescimento da cena artística local, o estímulo à economia local, e a identidade e coesão comunitária”, explica.

A primeira etapa do projeto foi a realização do Seminário Cultura, Música e Empreendedorismo, no dia 28 de julho, na Casa Vila Guilherme. A ação reuniu mais de 80 jovens artistas, coletivos culturais e empreendedores em um espaço de aprendizado e colaboração com discussões sobre Negócios Culturais de Periferia. “Foi um dia de missão cumprida porque conseguimos trazer essa pauta, essa sementinha da provocação sobre a autovalorização e autorreconhecimento do que a gente ama fazer e do que a gente gostaria de empreender no meio da nossa aptidão tanto ancestral, quanto empírica de quem é de Periferia. Deixar essa provocação para quem é do território para ele se reconhecer e reconhecer o seu potencial. Esse é o principal objetivo”, afirma Dj Bola, um dos criadores da A Banca.

Durante o seminário, foi lançado o edital para a participação na segunda etapa do projeto, o Encontro de Formação em Gestão e Empreendedorismo Cultural, um curso voltado para 30 coletivos artísticos do Parque Vila Maria e Região. Os selecionados irão participar de uma formação focada em Economia Criativa, onde serão discutidos temas relevantes para quem está empreendendo um negócio de cultura e arte da periferia.

Com o objetivo de apoiar, fomentar e incluir os coletivos contemplados na 2a Etapa de Encontros de Formação em Gestão e Empreendedorismo Cultural, será fornecido um apoio financeiro de R$1,600,00 (mil e seiscentos reais) para os 30 Coletivos Artísticos da Zona Norte selecionados. A previsão é que os encontros presenciais tenham início no dia 14 de setembro.  

Na terceira e última etapa, será realizado um Sarau de Encerramento no dia 26 de outubro. O evento contará com mesas temáticas e apresentações artísticas com espaço para os 30 artistas contemplados na etapa anterior poderem apresentar seus trabalhos.

Compartilhe

Posts Relacionados

Trajetória fortalecida: do IJCA à Viação Catarinense

Quando começou o curso de Elétrica e Refrigeração Veicular do Programa Oficina do Ensino, em 2022, Caio Ferreira da Silva,...

13ª Mostra de Trabalhos: Habilidades Jovens

Em sua 13ª edição, a Mostra de Trabalhos foi realizada presencialmente na sede do IJCA, em 22 de setembro. Tendo...

Vivência cultural aliada à formação profissional 

Com a proposta de contribuir com o aprendizado e ampliar possibilidades para além da formação, alunos do Programa Oficina do...