Parque das Artes Vila Maria: jovens em contato com arte

As jovens Gabriele Albuquerque, 17 anos e Eika Teodoro, 19, participaram de oficinas e lives do Rota da Cultura – Som, Cena e Corpo, que consiste em um ciclo de encontros reflexivos e criativos sobre as linguagens concerto, ópera, dança e teatro, mediados por educadores com experiência nos temas. As jovens se interessaram pelo projeto por perceberem a capacidade da arte criar pontes entre a realidade e o que queremos mudar nela. 

 Umas das atividades que a Gabriele participou foi o ‘Papo Sobre Ópera”, indicada por duas professoras. Ela destacou como aprendizagem que as sensações musicais e reconhecimento de cada instrumento foi de suma importância para uma nova concepção de arte.  “Existe um estágio da vida onde a realidade é insustentável, por isso, criamos a arte. A arte é expressão, a arte é forma de colocar para fora tudo o que nós somos. A arte é a personificação de nossas almas na forma mais pura. A mudança do mundo se daria caso as pessoas fossem menos robotizadas e aprendessem, de certa forma, a expressar o que sentem, transformando assim o universo que as cerca. A arte une, ela uniu, na Rota da Cultura, literários, músicos, pessoas que só queriam realmente saber do que se tratava. A arte visa características humanas que andam em falta ultimamente: empatia, alteridade, respeito e união”, destaca Gabriela.

 Através de uma mensagem recebida via WhatsApp, Eika conheceu o projeto e participou do ‘Papo Sobre Dança”. Foi nesta expressão de arte a linguagem que ela encontrou para se comunicar com o mundo através da arte, ou seja, uma possibilidade de expandir suas referências e percepções.  “Pretendo seguir com a dança, foi muito enriquecedor participar pois consegui conhecer trabalhos de grupos diferentes e formas diferentes de trabalhar com a dança. A arte traz uma nova possibilidade de ver o mundo, a dança por exemplo consegue mostrar para as pessoas um lugar mais divertido e animado somente com o mover do corpo”, afirma.

 O Rota da Cultura é realizado via ProAC ICMS com patrocínio da Viação Cometa, apoio estratégico do Instituto JCA, produção e criação da Aymberê Produções Artísticas e realização do Governo do Estado de São Paulo e Secretaria da Cultura e Economia Criativa.

O projeto integra uma iniciativa de arte e ação educativa chamada Parque das Artes Vila Maria, que desde 2016 realiza projetos elaborados especialmente para o Parque Vila Maria, bairro onde a Viação Cometa está situada há mais de 65 anos, além do apoio a outros projetos artístico-culturais.

Compartilhe

Posts Relacionados

13ª Mostra de Trabalhos - Habilidades Jovens

Confira a publicação do IJCA sobre a 13ª Mostra de Trabalhos que teve como tema “Habilidades dos Jovens”. O material...

 Instituto JCA presente na posse do Comitê de Participação Adolescente no CEDCA/RJ

Em Assembléia Extraordinária, adolescentes do Comitê de Participação Adolescente (CPA), tomaram posse no Conselho Estadual dos Direitos da Criança e...

Nova Lei de Cotas

Em um país com altos índices de desigualdade social, a Política de Cotas foi implementada em 2012 como um dos...